segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Cumprem-se os sinais de advertência de Nossa Senhora

Prova da aparição: o trigo se desfazia e a população passava fome. Vitral do Santuário de La Salette
Prova da aparição: o trigo se desfazia e a população passava fome. Vitral do Santuário de La Salette


A violação do repouso dominical com atividades manuais e comerciais, o vício da maldição e da blasfêmia estavam profundamente arraigados na sociedade francesa.

O relaxamento religioso tinha permitido essa decadência. Nada parecia conter esses maus costumes, e não eram os únicos.

Não estranha que se cumprissem as primeiras dolorosas advertências de Nossa Senhora.
As batatas e os vinhedos apodreceram, o trigo se desfazia atingido por estranha doença. A quebra das colheitas trouxe a fome.

“Dá pena ver os habitantes da região – escrevia a mulher do prefeito de Aspres-les-Corps – quase todos carecem de pão e batatas.

Todos os dias eles percorrem os campos para colher cardos e outras ervas selvagens para fazer uma sopa, que na maior parte dos casos é comida sem manteiga, e no máximo com um pouco de leite. Nossas casas são rodeadas de gente que acha que deveríamos ter de tudo.

E cada dia nos é necessário distribuir dinheiro, manteiga, pão e trufas a mais de 10, 15 e até 20 mendigos”.




>A falta de alimentos açoitou toda a França.


Cumpriu-se também outra terrível advertência de Nossa Senhora: as crianças menores de 7 anos morriam em quantidade muito acima da média. Só em Corps faleceram 39 em 1847, quando o normal nos anos anteriores girava em torno de 4. Nos cantões vizinhos a mortalidade infantil quase duplicou.

O Pe. Pierre Melin, pároco de Corps, sempre cauto em seus juízos, observava:
“Dando um golpe de vista sobre a sociedade em nossos dias, não é necessário conceber um grande porvir, ou se colocar muito alto para ver que ela é bem ruim nos seus atos e bem doente nos seus princípios.

Nossas cidades em geral oferecem espetáculos bem tristes à religião e a seus ministros. (...)

O espírito de Deus retirou-se da sociedade.
Ela tornou-se carnal, não procura mais do que pão e não acredita nem mesmo que é Deus quem o dá.

Não será que o bom e misericordioso Deus a ameaça precisamente com a fome, para lhe desembaciar os olhos e fazê-la tomar consciência de seu erro?”


Abrir os olhos para a causa do mal, arrepender-se, reformar a vida no sentido oposto ao desses males, é a essência da penitência. E esta penitência é o que Nossa Senhora desejava, permitindo acontecer essas calamidades.



Para comprar o melhor sobre Lourdes e Santa Bernadette: CLIQUE NA IMAGEM
Livraria Petrus: os
melhores livros católicos
à venda na Internet
Nossa Senhora de Lourdes e Santa Bernadette na novena da festa



  • A festa de Lourdes está perto: esperança para os que sentem tudo indo à breca


  • Novena de Nossa Senhora de Lourdes


  • Oração a Nossa Senhora de Lourdes


  • Na cura surpreendente de Antonietta Raco, Nossa Senhora passou por cima do medo da "eutanasia"


  • A tragédia da família de Santa Bernadette

  • 4 comentários:

    1. MUITO OBRIGADO EU ESTAREI DIVULGANDO A TODAS AS PESSOAS QUE EU CONHEÇO SOBRE ESTE IMPORTANTE DOCUMENTÁRIO MUITO OBRIGADO MESMO.

      ResponderExcluir
    2. também HOJE Deus nos castiga através das drogas, acidentes e violência urbana, para enxergarmos o mal da permissividade, o relaxamento moral e a busca indiscriminada pelo prazer imediato que permeia a sociedade atual.
      a blafêmia, a heresia e os pecados de ordem sexual atraem também a IRA de DEUS. Nossa Senhora, protegei-nos com teu manto!

      ResponderExcluir
    3. ainda HOJE DEUS quer nos salvar, para o nosso bem suscita castigos contra nosso relaxamento moral, pecados de ordem sexual- que não são nem tidos como pecados por muita gente hoje- blasfêmias e heresias.
      drogas, violência urbana, acidentes... tudo poderia ser diferente se não buscássemos o prazer imediato ainda que pecaminoso.

      ResponderExcluir
    4. hoje é pior o pensamento da sociedade, não se quer só pão, querem PÃO E CIRCO. O pão, quase ninguém acredita que vem de Deus, e o circo, os divertimentos, são manchados de pecados nojentos; como se diz no último capítulo do Apocalipse, aqueles que cometem pecados nojentos (pecados graves contra a castidade) não entrarão no Céu.

      ResponderExcluir