segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Conversão de uma grande nação protestante

São Paulo da Cruz também teve
uma inspiração para rezar pela conversão de Inglaterra
na festa de São Tomás de Canterbury, 29-12-1720
Na magna conversão anunciada em La Salette terá destaque uma grande nação do norte. Maximin, em 1851 disse dela:

“Um grande país no norte da Europa, hoje protestante, se converterá. Pelo apoio desta nação todos os outros países se converterão”.

Na versão de 1853, Maximin escreveu que este país seria a Inglaterra.

São João Bosco informou ao Papa Pio IX uma visão análoga de São Domingos Sávio sobre o retorno da Inglaterra ao catolicismo.

O venerável Bartolomeu Holzhauser, célebre por seus dons proféticos, também previu esta conversão. Em 1665 ele esteve com Carlos II da Inglaterra em Geisheim, quando o rei retornava a seu país após a decapitação de seu antecessor Carlos I.


Disse-lhe que a Inglaterra voltaria à fé católica, prestando à Religião serviços ainda maiores do que depois de sua primeira conversão.







Nenhum comentário:

Postar um comentário