quarta-feira, 28 de março de 2012

A abominação nos lugares santos. Segue o Segredo

Expulsão dos religiosos contemplativos da França, 1903
Governo laicista francês fecha conventos de contemplativos.
Na foto: expulsão dos padres cartuxos, Grenoble
Voltando ao segredo de La Salette:
“Os governantes civis terão todos um mesmo objetivo, que consistirá em abolir e fazer desaparecer todo princípio religioso para dar lugar ao materialismo, ao ateísmo, ao espiritismo e a toda espécie de vícios.

“No ano 1865 ver-se-á a abominação nos lugares santos. Nos conventos as flores da Igreja serão apodrecidas, e o demônio tornar-se-á como que o rei dos corações.

“Que os dirigentes das comunidades religiosas estejam atentos em relação às pessoas que devem receber, porque o demônio usará toda sua malícia para introduzir nas ordens religiosas pessoas entregues ao pecado, pois as desordens e o amor aos prazeres carnais estarão espalhados por toda a Terra.



“A França, a Itália, a Espanha e a Inglaterra estarão em guerra. O sangue correrá nas ruas, o francês combaterá contra o francês, o italiano contra o italiano. A seguir haverá uma guerra geral, que será horrorosa. Durante certo tempo Deus não se lembrará mais da França nem da Itália, porque o Evangelho de Jesus Cristo não será mais conhecido.

“Os maus estenderão toda sua malícia. Até nas casas as pessoas matar-se-ão e massacrar-se-ão mutuamente”.
Mélanie com 70 anos de idade
Mélanie na Itália
Os padres Corteville e Laurentin destacam a concordância dessas descrições com o espetáculo desolador da crise que atravessa hoje a Igreja Católica.

Paulo VI chegou a qualificá-la de “processo de autodemolição” (alocução de 7 de dezembro de 1968 aos alunos do Seminário Lombardo).

O mesmo Pontífice também observou que “por alguma fissura tenha penetrado a fumaça de satanás no templo de Deus” (alocução de 29 de junho de 1972).

Prudência nas datas

Quando se completaria esta primeira e grande apostasia e o subseqüente castigo universal descrito em linhas gerais tão impressionantes?

Em matéria de profecias, as datas são em geral meramente indicativas ou hipotéticas. Pois os fatos anunciados não se realizarão de modo absoluto e estão condicionados à fidelidade ou recusa dos homens.

Por isso Mélanie dizia que “estas coisas acontecerão quando a desordem moral seja completa sobre a terra e o mundo esteja entregue às suas ímpias paixões”, sem acrescentar datas.


Um comentário:

  1. Já faz alguns anos que reflito sobre a aparição de La Salette. Aparição ainda grandemente desconhecida da maioria dos brasileiros, mas que projetas grandes luzes sobre os acontecimentos pelos quais estamos passando.

    Hoje, de manhã, me deparei com uma notícia trágica sobre um massacre nos EUA. O início da notícia dizia:

    "O que terá começado como uma discussão doméstica acabou com a morte a tiro de seis pessoas, incluindo quatro crianças, entre elas filhos do autor dos disparos, perto de Houston, nos Estados Unidos."

    http://www.publico.pt/mundo/noticia/discussao-domestica-acaba-com-seis-mortos-nos-eua-1662326

    Ao ler essa notícia me lembrei das seguintes palavras de Nossa Senhora em La Salette:

    “Os maus estenderão toda sua malícia. Até nas casas as pessoas matar-se-ão e massacrar-se-ão mutuamente”.

    Como não ver nessa notícia acima e em tantas outras, infelizmente, semelhantes, a realização das profecias de Nossa Senhora?

    Alex

    ResponderExcluir