quarta-feira, 1 de junho de 2011

A parte pública da mensagem


Maximin conta que Nossa Senhora continuou, dizendo:
– Se eles se converterem, as pedras dos rochedos transformar-se-ão em trigo e as batatas serão encontradas já plantadas na terra.

Depois Ela nos perguntou:
– Meus filhos, vocês fazem bem as orações?

Nós dois respondemos:

– Não, minha senhora, não muito.

– Ah, meus filhos, é preciso rezá-las direito no fim do dia e pela manhã. Quando não tiverem tempo, rezem só um Pai Nosso e uma Ave-Maria. Quando tiverem tempo, é preciso rezar mais ainda. Só vão algumas mulheres idosas à missa, as outras trabalham o verão todo e vão à missa no inverno, mas só para não levar a sério a Religião. Na Quaresma eles vão ao açougue como cães.


Depois indagou:
– Meus filhos, vocês não viram o trigo estragado?

Eu respondi:
– Não minha senhora, nunca vi.

Então a bela dama replicou:
– Mas tu, meu filho, deves ter visto que uma vez perto de Coin, junto com teu pai, o homem disse a teu pai: vem ver meu trigo como se estraga. Vós fostes, e teu pai pegou duas ou três espigas de trigo nas suas mãos, esfregou-as e elas caíram reduzidas a pó. Depois retornastes, e estavas a meia hora de Corps, quando teu pai te deu um pedaço de pão, dizendo: pega meu filho, come este ano, pois não sei quem terá para comer no ano próximo, se o trigo continuar se estragando deste jeito.

Eu respondi:
– É bem verdade, minha senhora, mas eu não me lembrava.

Ela terminou seu arrazoado em francês, com estas palavras:
– Pois bem, meus filhos, vós o fareis passar a todo o meu povo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário